7 Dicas para economizar na sua viagem à Toronto

A visão do mundo através dos olhos de um casal que busca seus sonhos em harmonia com a natureza, os animais e as pessoas

7 Dicas para economizar na sua viagem à Toronto

2016, indo para Toronto pela primeira vez

Viemos duas vezes à Toronto antes de nos mudarmos de vez, contamos tudo neste post e neste. As duas foram de aproximadamente duas semanas, então temos algumas dicas para quem está planejando passar as férias por aqui.

1 – Escolha a baixa temporada:

A alta temporada aqui ocorre de Julho a Agosto por causa das férias escolares e também Dezembro e Janeiro, devido as datas comemorativas, o que não impede de você conseguir uma boa promoção. Em 2016 viemos em Janeiro e conseguimos uma promoção muito boa. Normalmente as passagens e hospedagens estão mais em conta no outono e primavera daqui. Pesquise as passagens nesse período e também os valores dos hotéis, Airbnb, etc. Assim terá mais segurança na hora de comprar e já saberá melhor o quanto irá gastar com a passagem e hospedagem, que afinal são esses os valores mais altos da sua viagem.

2 – Bairros e cidades vizinhas:

Sim, considere sair de Downtown. Aqui em TO nós temos o famoso TTC que engloba street car, subway e bus. Para cidades vizinhas como por exemplo as cidades da região de Durham Region temos o GO Train. Na nossa segunda viagem para cá, ficamos em Oshawa por causa de um curso que o Felipe veio fazer e mesmo assim aproveitamos Toronto e a região. Claro que é melhor você considerar cidades bem próximas, ao lado de preferencia, ou também considerar outros bairros porque o tranporte público é realmente bom e os preços são mais convidativos, as vezes é até bom chegar no lugar e descansar bem longe da muvuca. Vou deixar aqui o link da APP que uso para me localizar em Toronto.

Eu estava encantada com os canteiros durante a primavera em Oshawa

3 – Inclua a possibilidade de se hospedar em Albergues:

Pesquise todos os tipos de hospedagem, veja os reviews e decida o que combina com você e o que cabe no seu orçamento. Muitas pessoas tem preconceito com Hostels, porém existem vários com quarto privativo, banheiro privativo e bem localizados pelo baixo preço.

4 – Inclua atrações não pagas em seu roteiro:

Claro que seu roteiro vai depender muito da época do ano e do clima, mas dá para visitar muitos lugares sem gastar. Conhecer os parques, passear pelo Path, passar a tarde na praia e se estiver frio, compre em algum brechó um patins (o Felipe pagou $18 pelo dele em bom estado) e vá patinar em algum ring gratuito. Gente, realmente são muitos lugares e coisas para fazer que você não irá gastar nada ou muito pouco.

Faça a sua lista de museus para visitar e verifique nos sites os dias e horários que a entrada é gratuita ou com desconto. Alguns deles tem promoções com dias fixos na semana para esses descontos.

ROM Museum

5 – Compre os passes das atrações e o passe do TTC:

Se informe sobre o CityPass o qual sai mais em conta pois esse passe inclui várias atrações turísticas, se for comprar separadamente sairá muito mais caro. Veja se você tem tempo disponível para ir em todas, se não o barato vai sair caro. O mesmo vale para o TCC, confira no site o que mais vale a pena para você e sua família.

Outra dica bacana é, se for pegar um Uber ou Lyft use o meu código de desconto: https://www.lyft.com/invite/CRUZ69359?utm_medium=p2pi_iacc

6 – Lugares baratos para comer:

Acredito que para conhecer o lugar e sua cultura precisamos experimentar a comida daquele lugar, em nossas viagens costumamos deixar somente uma das refeições do dia para gastar mais, por exemplo em um dia vemos um lugar bacana para comer um brunch, então o restante do dia vai ser de lanche rápido ou até cozinhar no lugar que nos hospedamos se tiver cozinha.

Você pode comer por mais ou menos $6 no Tim Hortons, um salgado e um café. Pode também entrar em algum super mercado, todos que eu vi até hoje tem comida para levar, geralmente saladas, carnes, e alguns até montam hamburger, essa é uma boa maneira de comer algo rápido sem gastar. Não se preocupe com o lugar, aqui é comum comer em parques, se tiver frio pode comer em alguma praça de alimentação. Ou simplesmente entrar em uma farmácia e pegar um biscoito, iogurte, lugares realmente não faltam por aqui.

7 – Souvenirs

Por onde você andar vai achar lojas vendendo lembrancinhas de Toronto, olhe os valores e espere. Deixe para comprar na Chinatown, o que já é um passeio por si só. Lá você encontrará preços bem mais camaradas. Já aproveita que está lá e passe no Kensington Market que fica ao lado e é o meu lugar favorito em Toronto.

Foto da primeira vez que fomos até Chinatown, era inverno e bem frio.

Se chegar cansado e quiser pedir comida, use meus códigos de desconto:

https://www.doordash.com/consumer/referred/Vanessa-Da-Cruz-7690/?utm_source=copy

Lembre-se de nos seguir no instagram, sempre damos novas dicas por lá! 🙂

Até a próxima.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.